30 de março de 2017

Camp NaNoWriMo 2017 | Novo projeto: Momento angular

Já tinha comentado na minha série sobre o que aprendi com o NaNoWriMo em 2016 que eu ia dar uma pausa em Divindade Artificial. Bem, o Camp NaNoWriMo está batendo na porta, e eu tenho um novo projeto!

Como é mais curto (embora não tão curto quanto eu queria que fosse), pretendo, além de bater minha meta do Camp, finalizar essa história, ou, ao menos, escrever 90% dela.


Momento angular foi planejado a partir de uma ideia que me veio algum tempo atrás. Era só um exercício, na realidade, um acontecimento do passado de um dos personagens que eu precisava esclarecer antes de dar continuidade ao replanejamento de A Deusa de Cristal (a série de livros principal).

Como eu tinha gostado de escrever aquele trecho, entretanto, decidi que a ideia merecia virar um conto. Mas, com outros projetos em mente, deixei para escrever outra hora. Apesar disso, a história ficou me chamando, e várias vezes eu me peguei matutando sobre ela, imaginando situações e vendo o que encaixava melhor. Porque, na realidade, eu tinha os personagens e o lugar, mas não tinha um enredo.

Até que, no início de janeiro, veio o estalo. Há algum tempo eu estava com vontade de contar uma história sobre viagem no tempo — uma que, mais especificamente, falasse sobre arrependimento.

Então trabalhei nessa ideia, fiz um outline e decidi que ia escrever essa história ao longo do mês de fevereiro — mas não escrevi. Em parte por falta de organização, em parte porque aconteceram uns problemas na faculdade, o que me fez perder alguns dias de férias. Mas em parte, também, porque eu não estava gostando do enredo.

Tem um minuto? Responda à pesquisa de público do SI&F!

Era um enredo interessante: tinha carros, tinha máquinas do tempo, tinha até um pouco de pancadaria. O problema era que não era a história que eu queria contar. Como eu disse acima, eu queria contar uma história sobre arrependimento — sobre aqueles nossos erros do passado que vêm à mente sempre que imaginamos um mundo em que a viagem no tempo é possível. E, da maneira como estava, não havia oportunidades no enredo para tratar do tema. Além de o enredo exigir a inserção de elementos que iriam servir unicamente para o avanço da trama, sem ter real importância para os personagens.

Assim, com o Camp NaNo chegando, decidi que seria essa a história que eu iria escrever, e refiz todo o planejamento. Dessa vez, sabendo de antemão o tema que estaria escondido nas entrelinhas — o que não aconteceu com Divindade Artificial —, descobri que história eu queria contar. E gostei muito mais do enredo que tenho agora.

Mas sobre o que é Momento angular, afinal?

É um outro spin-off de A Deusa de Cristal — a princípio, uma novela. A história se passa 15 anos antes de A Deusa de Cristal e quase 3 anos depois dos acontecimentos de Divindade Artificial. Mas é uma história independente, que só vai fazer uma ou outra menção bem rápida aos acontecimentos de Divindade Artificial.

A história é centrada em dois personagens: Aurus, um adolescente de 15-16 anos que tem problemas com a família e dificuldade para lidar com a magia, e Naviza, uma jovem que se sente responsável pela morte da irmã e quer a todo custo trazê-la de volta. Os dois têm motivos de sobra para voltar ao passado e consertar as coisas (ou ao menos é isso que eles pensam). Minha ideia é que seja uma história mais intimista, mais focada nos conflitos internos desses dois personagens que em grandes embates mágicos — apesar de, claro, haver alguns momentos de ação.

Confira a sinopse e a capa provisórias (e, claro, o título Momento angular também é totalmente provisório):


Como todo adolescente, Aurus tem desentendimentos com a família. Mas, ao contrário de outros jovens de sua idade, ele consegue ver com clareza de onde vieram todos os problemas: o acidente de carro ocorrido dois anos atrás, que matou sua tia e feriu sua mãe e seus irmãos. Ele saiu quase ileso, mas os outros também não teriam se prejudicado se Aurus não tivesse se descontrolado e usado a magia de forma não intencional — e perigosa.
Naviza era uma jovem promissora. Estudante de teoria mágica, desenvolvia um projeto ambicioso em conjunto com a irmã, Zanevra. Até que um incêndio tirou a vida de Zanevra e acabou com a carreira de Naviza. Um incêndio que veio em decorrência de uma escolha errada de Naviza. Agora ela busca uma forma de desfazer esse erro e trazer a irmã de volta à vida.
Por isso Naviza veio até Laniere: Venius, o pai de Aurus, se diz capaz de trazer os mortos de volta à vida. Mas Naviza e Aurus descobrem que há uma outra maneira de consertar os erros do passado. Uma solução que talvez seja mais simples: voltar no tempo.

Como fiz com Divindade Artificial, atualizarei o diário de escrita semanalmente, tanto aqui no SI&F quanto no Medium. Também farei outros posts, falando sobre o processo de planejamento e como me organizei para fazer tudo o que era necessário para ter o outline pronto até dia primeiro de abril, e, claro, darei mais detalhes sobre os personagens e o universo.

Com isso, a #escritadodia vai voltar, então é só seguir o SI&F no Instagram ou no Facebook. Veja o projeto no site do Camp NaNoWriMo.



Conheça meus livros publicados

Trópicos Fantásticos


Contos de fantasia, terror e ficção científica ambientados no Brasil.

Não-heroína


Uma super-heroína que se tornou uma tirana em um universo de fantasia épica.

O que eu faria se tivesse uma máquina do tempo?


Uma vigarista imortal que tem que lidar com a irmã e com a falta de pizza em uma São Paulo pós apocalíptica.




Assine a newsletter!
Receba em seu e-mail, mensalmente, novidades para escritores, leitores e blogueiros, conteúdo exclusivo e os últimos posts do SI&F.

ou siga as atualizações do blog nas redes sociais:
Facebook | Twitter | Google + | Instagram | Pinterest

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Sinta-se à vontade para deixar opiniões, dúvidas e sugestões. Se tiver um blog, deixe o link ao final de seu comentário para que eu possa visitá-lo.

Ao comentar, tenha bom senso (ou leia isto), de modo a evitar que seu comentário não seja publicado.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...